RAIMUNDA
SENNA

“As pessoas começaram a ter mais visão da estrutura do nosso corpo. E a gente não encaixava, a nossa bunda era estufada mesmo, e que a gente dançava e pulava mesmo sem o balé. Minha professora de balé, Mônica, foi assistir o Odundê e disse: Mas Rai, nas aulas você não pula assim! Você pula! Eu disse: Pulo! Mas eu tô dançando o que é meu! Da minha maneira, e não toda encaixadinha!”

Aos 66 anos, Raimunda Senna é a história viva dos movimentos culturais do Centro Histórico de Salvador. Formada em Licenciatura em Dança e Especialista em coreografia também em Dança pela UFBA. Nas suas vivências dentro do espaço universitário, participou de uma geração negra de bailarinos/pesquisadores com o Grupo ODUNDÊ, o que a levou a conhecer muitos lugares do Brasil e do mundo com o solo icônico de Omolu. Sua presença e marcas nas danças e shows folclóricos do SESC Bahia e SESC SENAC Pelourinho são registradas na memória da dança soteropolitana, sendo de sua autoria o famoso cortejo das baianas do SESC nas festas de largo de Salvador. Professora aposentada do SESC e professora da Faculdade Metropolitana, no Pará. Primeira cantora mulher do grupo de samba Alvorada.

Nome Artístico Raimunda Senna

Idade 66 anos 

Bairro e cidade onde nasceu Taboão/Centro Histórico/Salvador 

Bairro e cidade onde mora: Cabula/Salvador

Atuação artística Professora de Dança, Dançarina, Cantora e Coreógrafa

Formação acadêmica Licenciatura em Dança e Especialização em Coreografia

Trabalha com qual estética de dança? Trabalhava com Dança Afro e Folclórica

É filha, neta, mãe, avó, tia de quem? 

Neta de Maria de São Pedro Souza

Filha de Elizabeth de Oliveira Senna 

Mãe de Marcelo Igor Senna e Wally Igor

Avó de Rian Palma Senna

Tia de Gabriel Kallil, Paola Kallil, Diego Kallil, Fabiana Senna, Eduardo Senna

@ray.senna.3         Ray Senna